Viseu – LPVZ faz história

O serviço público disponibilizado pelo Aeródromo Gonçalves Lobato ou aeródromo de Viseu não pára de nos surpreender.

Depois do aeródromo ter passado por uma profunda revisão no sistema de iluminação de Pistas apoiando assim o muito recente alargamento do horário do serviço AFIS de Viseu – LPVZ até à meia noite ou antecipar o horário de abertura da facilidade, surge agora a novidade do tráfego de transporte aéreo de maior capacidade.

Viseu, a meio caminho entre o Porto e Coimbra, aninhado no coração da sub-região Dão-Lafões, com uma paisagem formada por densos pinhais, rios cristalinos e alguns dos mais famosos vinhedos do país, está, como todos sabemos, diáriamente na rota da linha aérea que liga Bragança, Cascais a Portimão, mas faz história ao ter no dia 10 de Novembro de 2017, uma aeronave de transporte aéreo com uma capacidade superior, igualando a Ponte Aérea que liga Lisboa ao Porto com os ATR72 transportando até 70 passageiros.

Aconteceu ontem com o voo de transporte da Selecção Nacional, no final do jogo de futebol, para Lisboa.

Um outro ATR72 está agendado para a chegada a Viseu a 15 de Novembro de 2017 (TP9601 de EVO/VSE) e partida a 16 de Novembro de 2017 (TP9602 VSE/OPO).

Tudo isto, toda esta evolução faz com que o serviço AFIS seja muito em breve incrementado em mais três AITA, Agente de Informação de Tráfego de Aeródromo, que irão iniciar curso muito em breve na NAV Portugal.

José Rocha. 11 de Novembro de 2017. Fotos de Luís André Diogo.

Nota: Este artigo contém hyperlinks embebidos em palavras ou frases, a bold e com cor diferenciada, que reencaminham para outros sítios da web de interesse para o assunto do artigo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *