Herdade da Lameira

Pista da Lameira

Informações

Coordenadas: Lat. 39.16.40N  Long. 007.46.21W

Elevação: 190m / 623ft

QFU:  Rwy 13/31 ENCERRADA UFN POR SUPLEMENTO MANUAL VFR 002/2017

Comprimento: 465x12m

Frequência: Safetycom 122.500Mhz

Tipo de operação: Aeronaves Ultraleves. ENCERRADA UFN POR SUPLEMENTO MANUAL VFR 002/2017

Localização: Herdade da Lameira - Cunheira - Alter do Chão

Página do manual VFR (NAV)

Notas

Notas: ENCERRADA UFN POR SUPLEMENTO MANUAL VFR 002/2017

Manga de Vento: 

Responsável: +351965414544

 

Serviços

Combustível

Hangaragem:

Manutenção: 

Guarda: 

Café/Restaurante: 

Aeroclube: 

Escola: 

Outros: 

 

Serviços externos

Taxis: 

Cafés: 

Restaurantes: 

Hotéis: 

Outros: 

 

Alter do Chao
12°
tempo nublado
humidade: 45%
vento: 7m/s L
max 18 • min 7
15°
sab
16°
dom
20°
seg
Weather from OpenWeatherMap

4 comments

  • Duarte Fernandes Pinto

    Vou lá hoje. Captarei umas imagens para esta página do cavok.pt.

  • Antonio Soveral

    No dia 31 Out falei com o responsável que me informou que vai manter a pista encerrada por tempo indeterminado dado os novos donos, herdeiros do falecido proprietário, manisfestarem um completo desinteresse pela sua recuperação.

    • António Tito

      Na qualidade de responsável pela pista de ultraleves da herdade da Lameira, e em jeito de resposta ao comentário do Sr António Soveral, parece-me pertinente fazer uma pequena correcção:

      Aquilo que eu disse e que de facto está a acontecer, foi que na sequência do falecimento do proprietário da herdade, Sr Armando Mendes, “os herdeiros estão a dar prioridade à reorganização da actividades agrícola e hoteleira”, e por muito que nos custe a nós, adeptos da aviação ultraleve e não só, se conseguir-mos fazer uma análise desapaixonada, são aquelas que verdadeiramente dão os resultados que sustentam a pista de ultraleves. Não me compete a mim nem o vou fazer, julgar publicamente as decisões dos legítimos proprietários da herdade. Penso que compreenderá que não colocar a recuperação da pista como primeira prioridade, é muito diferente de: “manifestarem um completo desinteresse pela sua recuperação”

      Muito Obrigado

      António Tito

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *